Notícias

23/08/2021 - Clima

Anomalia climática no Atlântico, no Pacífico e no Índico ampliará seca no Brasil em 2022


Três fenômenos climáticos vão atuar simultaneamente nos próximos meses nos oceanos Atlântico, Pacífico e Índico alterando a temperatura das águas no Hemisfério Sul do Planeta. E essa combinação vai impactar a temporada de chuvas no Centro-Sul do Brasil, que começa com a chegada da primavera. Porém, esses fenômenos serão mais intensos a partir de novembro e seus efeitos se estenderão até fevereiro. Portanto, o próximo verão deverá ser o segundo seguido com chuvas abaixo da média.

Diante deste cenário, institutos de pesquisa já projetam que os reservatórios de hidrelétricas e as represas para abastecimento às residências não deverão recuperar os níveis históricos durante o verão e atravessarão a estação seca de 2022 com níveis críticos. Em 2021, o Brasil já enfrentou a maior crise hídrica dos últimos 91 anos. Então, prepare o bolso...

Os modelos climáticos apontam para uma nova temporada de La Niña devido ao iminente resfriamento das águas do Pacífico na costa oeste da América do Sul. Isso, por si só, já teria potencial para ampliar a estiagem na ‘Caixa D´água do Brasil’, região que fica entre Minas Gerais e Goiás. Esta área do Cerrado alimenta grandes reservatórios como Furnas e é o berço de rios importantes que ‘correm’ para as regiões Sul e Sudeste do País, além do São Francisco, que deságua entre Alagoas e Sergipe.

Continue lendo AQUI

Por Nilson Regalado
Fonte: Diário do Litoral




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.