Notícias

28/10/2020 - Mercado

Ásia vai aumentar demanda por grãos, carnes, café e açúcar do Brasil


Com a projeção de quase 80% da população mundial vivendo apenas na Ásia até 2050, o ex-secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura Benedito Rosa acredita que o Brasil deve focar em outros mercados da Ásia, e não só a China.

De acordo com ele, os principais produtos a serem exportados são proteína animal e vegetal. “Eles [Ásia] não têm condição de produzir tudo que os seus mercados necessitam. Alguns países da Ásia não possuem solo e clima possível para grandes extensões de plantio de grãos nem pecuária e, consequentemente, eles têm que importar soja, milho e outros componentes para ter uma avicultura e suinocultura razoável. Serão demandas, e seria prioritário para o Brasil avançar nessa direção”, afirma.

Para Benedito, o Brasil deveria seguir o exemplo da Argentina, que exporta volumes semelhantes para a China e o resto da Ásia. “Temos que abrir os olhos, estudar e ter estratégia de inserção nos outros mercados importantes da Ásia. Indonésia, Singapura e Japão são países que na próxima década devem formar um conjunto que deve ser tratado como prioridade pelo Brasil”, completa.

Assista a entrevista: http://tempuri.org/tempuri.html

Fonte: Canal Rural 




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.