Notícias

18/11/2021 - Soja

Brasil ganha espaço dos EUA em vendas de soja para China


A China tem comprado grandes volumes de soja do Brasil, algo atípico para esta época do ano.

O país asiático precisa de soja para alimentar os rebanhos de suínos em expansão, e novembro é o melhor momento para os Estados Unidos venderem seus grãos, no término da colheita. A oferta de soja está no pico, e os preços dos EUA deveriam ser os mais atrativos do mundo.

Mas, neste ano, a soja do Brasil está ainda mais barata, competindo com a principal janela de vendas dos EUA. Na semana passada, a China comprou pelo menos 30 navios de soja americana e brasileira, com mais da metade vindo do Brasil, segundo pessoas a par do assunto. A maior parte das cargas será enviada em dezembro e janeiro, disseram as fontes.

Esse movimento mostra que o Brasil, já o maior exportador, se torna cada vez mais competitivo nos mercados mundiais.

Essa atípica mudança nos fluxos de comércio global pode levar à queda dos preços mundiais da soja. Se essa tendência persistir e o Brasil roubar participação de mercado dos EUA, os estoques americanos podem subir, o que derrubaria as cotações na Bolsa de Chicago, principal referência para os preços globais.

Continue lendo AQUI

Por Tarso Veloso e Tatiana Freitas e Alfred Cang
Fonte: Bloomberg Línea




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.