Notícias

25/11/2021 - Mercado

Embargo da China: liberação de carne bovina já habilitada não garante retomada das exportações


Recebida de forma positiva pelo governo e pelo setor, nesta semana, a decisão chinesa de permitir a entrada da carne bovina certificada até o último dia 3 de setembro, data que antecedeu o embargo determinado após dois casos atípicos de mal da vaca louca, não garante a retomada das importações regulares. Pelo contrário, avaliam analistas de mercado: com um volume que pode passar de 100 mil toneladas de carne entrando no mercado chinês às vésperas do ano novo lunar, existe a possibilidade da suspensão se alongar ainda mais.

“É uma notícia boa? É. Vai gerar algo positivo em médio e longo prazo? Não sei”, resume o analista de pecuária da Stonex, Caio Toledo, ao destacar que a notícia também ajudou a desfazer o temor que pairava sobre o mercado, de que a carne bloqueada nos portos chineses e nos próprios frigoríficos brasileiros fosse destinada ao mercado interno.

“Tinha frigoríficos que pareciam terminais portuários, tamanha quantidade de contêiner que tinha no pátio. Então, esse era um problema que precisava ser desenrolado o quanto antes e felizmente foi”, acrescenta o analista da Safras & Mercado, Fernando Iglesias.

Continue lendo AQUI

Por Cleyton Vilarino
Fonte: Globo Rural




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.