Notícias

08/12/2021 - Soja

Estiagem castiga lavouras no Sul do Brasil: 'Trinta dias sem nenhuma chuva grande, só garoa'


O Rio Grande do Sul é o segundo maior produtor de soja no Brasil. Lá, a estiagem está prejudicando as lavouras. Alguns agricultores como Rafael Fontana, que planta em Jóia, no Noroeste do Estado, já registram perda no potencial de produção. “Muito triste a situação que assola o Rio Grande do Sul: 30 dias persistindo sem nenhuma chuva grande, só garoas.” E o que esperar nos próximos dias? De acordo com a Rural Clima, as chuvas ficarão abaixo da média no Sul até o fim do ano. A previsão é de que o tempo siga firme até o próximo dia 13, e a tendência é que as frentes frias passem rapidamente pelo território gaúcho, sem reverter o quadro de seca influenciado pelo fenômeno La Niña.

O Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do Rio Grande do Sul (Emater-RS) afirma que 80% da safra de soja já foi semeada, e as regiões centro e noroeste são as mais afetadas pela falta de chuva. Se nos próximos dias as chuvas agrícolas não se confirmarem, as plantas morrerão e agricultores vão precisar sair em busca de novas sementes para plantar tudo novamente. O que significa perdas financeiras importantes em tempos de alto custo de produção e escassez de insumos. No Paraná, terceiro maior produtor de soja do Brasil, há restrição hídrica sendo monitorada com atenção pelos agricultores. Até o momento, dados do Departamento de Economia Rural apontam que 1% das lavouras estão em condições consideradas ruins, 8% medianas e 91% boas.

Continue lendo AQUI

Por Kellen Severo
Fonte: Jovem Pan




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.