Notícias

24/09/2021 - Soja

Largada na safra de grãos


A safra de grãos 2021/2022 começou na semana passada, e as máquinas agrícolas já estão a mil nas lavouras da região Centro-Sul. Para lá e para cá, o que se vê são plantadeiras sulcando e semeando sementes de soja, principalmente na região Centro-Oeste, e milho, nos estados do Sul.

Essa temporada deve chegar a um volume inédito de 289,6 milhões de toneladas, a maior já colhida no Brasil, segundo a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A previsão vale para soja, milho, algodão, arroz e feijão, culturas que juntas correspondem a 94% da produção total do país.

A expectativa é colher 116 milhões de toneladas de milho e 141,2 milhões toneladas de soja, o que representa 3,9% a mais que a colheita da temporada 2020/2021. A produção de algodão deve ser de 2,71 milhões de toneladas, de arroz, 12 milhões de toneladas e de feijão, de 1,5 milhão de toneladas.

Preços não devem cair no curto prazo
A largada da safra não deve derrubar os preços no curto prazo. Por ora, os preços internacionais da soja e do milho continuam valendo a pena para os agricultores e, por outro lado, pesando para a agroindústria e o bolso do consumidor. Os dois produtos são matéria-prima para a produção de ração que alimenta as criações animais, portanto, têm impacto na indústria de carnes.

"No entanto, há uma tendência de normalização dos preços no mercado internacional a partir de 2022", explicou o economista Fábio Silveira, da Consultoria Macrosector.

Mais informações AQUI

Por Viviane Taguchi
Fonte: UOL




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.