Notícias

15/07/2021 - Milho

MT: setor de proteína animal está preocupado com oferta de milho após ataque da cigarrinha


A pressão e os danos causados pelas cigarrinhas nas lavouras de milho em Mato Grosso acendem um sinal de alerta no setor da proteína animal no estado. A preocupação é com os impactos que podem ser causados por uma eventual restrição de cultivo e, consequentemente, menor oferta do grão no mercado interno.

Paulo André Zen é produtor integrado de frangos no município de Nova Mutum. A cada lote entregue, aloja 16,8 mil aves. Juntas, elas consomem cerca de 220 toneladas de ração durante a engorda. Ele diz que a valorização do milho causa desequilíbrio no caixa e afirma que uma eventual redução na oferta do grão pode comprometer de vez  a renda da atividade.

“Hoje o milho é 70% da nossa ração, não temos um substituto de imediato. Também temos outros setores que necessitam do milho e estão aqui na região para comprar o grão, então a concorrência vai ser muito grande. A nossa preocupação é que no segundo semestre vai faltar essa ração. Com isso, a gente pode parar a produção, talvez vai diminuir os lotes. Eu acredito que isso vai impactar para proteína, talvez, também vai impactar na produção de carne que lá na frente para o consumidor o preço vai subir mais”, diz André Zen.

Os suinocultores da região também estão preocupados com os milharais. A cooperativa Coopermutum agrega um plantel de 5 mil matrizes e um custo anual de 37 mil toneladas de ração. O presidente da cooperativa, Valdomir Ottonelli ressalta que qualquer alteração na oferta traz consequências significativas no orçamento dos criadores.

“Essa praga é nova para nós aqui na região, ainda com um controle indefinido e a seca que foi severa e castigou muito agora. A produção está caindo, estamos em um momento em que a produção de suínos não está tão atrativa e o custo vem subindo, não só pelo milho como também pela soja. Hoje a suinocultura já está no vermelho, se vier uma restrição na oferta, a preocupação aumenta”, diz Ottonelli.

Mais informações AQUI

Por Pedro Silvestre
Fonte: Canal Rural




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.