Notícias

24/06/2021 - Pecuária

Nutrição animal: Produtor em Goiás inverte tendência e reduz em 50% custo do volumoso


Marcelo Alves Ferreira, pecuarista em Pirenópolis, já estava cansado de sofrer todos os anos com a queda de produção de suas vacas leiteiras Girolando durante os meses mais secos (maio a outubro). Também via sua lucratividade saindo pelo ralo diante das constantes altas nos preços de alguns dos insumos tradicionais, que compunham boa parte da dieta de cocho de seus animais.

Em novembro de 2020 ele decidiu mudar sua base de volumoso. Trocou o milho pelo sorgo forrageiro e, logo no primeiro corte, em fevereiro de 2021, fez 75 toneladas de silagem por hectare (ha), totalizando 240 toneladas nos 3,2 ha cultivados.

“Seguramente me custou a metade do que gastaria para produzir silagem de milho, por exemplo. A decisão, portanto, reduziu o custo de produção em aproximadamente 50% e me permite dormir tranquilo. Tenho comida para todo o período seco e até o final do ano”, garante o produtor  que é dono da Fazenda e Haras MKF, em Pirenópolis (GO).

Com um rebanho leiteiro de 80 cabeças (de mamando a caducando) ele também comemora a maior resistência ao déficit hídrico no solo, adaptabilidade e capacidade de rebrota da variedade escolhida (Agri 002E, popularmente conhecido como Sorgo Gigante Boliviano, em função de sua altura, que pode superar os cinco metros).

“O milho é muito exigente quanto à presença de água e adubação. Para eu conseguir produzir 50 t/ha de silagem com ele em condições de redução de disponibilidade hídrica, tenho de ser um expert e investir pelo menos o dobro. Com o sorgo, tenho ainda um segundo corte garantido, que devo fazer ao final de julho. Mesmo sem chuvas, devo somar pelo menos mais umas 80 toneladas. Essa é uma das propostas do Gigante”, conta.

Mais informações AQUI

Por Ariosto Mesquita
Fonte: Portal DBO




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.