Notícias

17/11/2020 - Milho

Pior cenário de escassez do milho está próximo e pode durar até maio de 2021


A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) projeta que a safra de milho verão totalizará 26,48 milhões de toneladas. A Agrinvest Commodities acredita que a estiagem fará a companhia revisar o volume para baixo e prevê que a escassez do grão terá o pior momento no Brasil já nos próximos meses.

Para Marcos Araújo, analista de mercado da Agrinvest, a safra de milho verão não atingirá estes valores projetados por conta da má distribuição de chuvas e problemas climáticos. “A produção, principalmente no Rio Grande do Sul, tem sofrido uma série de problemas climáticos que comprometem. Houve até geada em algumas regiões do estado”, diz.

Segundo o analista, por conta dessa quebra na safra, haverá uma maior restrição da oferta do grão no país, especialmente entre fevereiro e abril de 2021.

Com a possibilidade da isenção de tributos que facilitam a importação de milho para o Brasil, o analista acredita que estados do Nordeste e até mesmo o Rio Grande do Sul, entre fevereiro e março, possa importar milho dos Estados Unidos.  “Os portos de Paranaguá e Santos apresentarão dificuldade na importação de milho porque os portos estarão voltados para o programa brasileiro de exportação de soja”, afirma.

Fonte: Canal Rural - http://tempuri.org/tempuri.html




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.