Notícias

11/01/2022 - Soja

Regime de chuva na segunda quinzena de janeiro pode beneficiar o grão


Mato Grosso e Goiás continuam sofrendo com o excesso de chuva que tem, inclusive, atrapalhado a colheita da soja em algumas áreas. Isso acontece por conta das Zonas de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS), que persistem na região. Enquanto isso, na região Sul o tempo permanece extremamente seco, com temperaturas que ultrapassam os 40ºC.

Nesta terça-feira (11/1), chove no leste do Paraná (situação de estiagem severa afeta o oeste do estado), assim como as precipitações também afetam leste de São Paulo, sul de Minas Gerais, Goiás, norte de Mato Grosso, Rondônia, Pará e Acre. Já no Matopiba, a chuva é mais forte entre o Maranhão e Piauí.

Até o próximo sábado (15/1), os maiores volumes de umidade cairão em regiões produtoras de soja de Minas Gerais, Mato Grosso, Goiás e Rondônia, com até 100 mm. Ou seja, a chuva acontece onde já está em excesso. Contudo, a situação começa a mudar a partir da segunda quinzena do mês.

Continue lendo AQUI

Por Victor Faverin
Fonte: Canal Rural




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.