Notícias

11/11/2021 - Outros

Sistema que integra lavoura e pecuária traz benefícios aos produtores


A Integração Lavoura-Pecuária (ILP) é uma tecnologia que vem sendo disseminada em todo o Paraná pelos servidores do Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná (IDR).

Há quatro anos a prática foi implantada na propriedade do produtor Lairton Berti Garcia, de Moreira Sales, no Centro-Oeste do estado.

A principal vantagem dessa prática, de acordo com os técnicos do IDR-Paraná, é dar ao agricultor uma maior produção, com a diversificação de explorações numa mesma área. O programa oferece sustentabilidade econômica, social e ambiental para a atividade agropecuária.

Lairton enfrentava sérias dificuldades para manter seu rebanho alimentado durante o inverno. Com pasto nativo e solo arenoso, a oferta de alimento para os animais sempre foi pequena nesse período. Como ele trabalha com a criação de bezerros, frequentemente era obrigado a vender animais. Com a nova técnica, hoje sobra pasto e a produtividade das lavouras também aumentou.

A área de Garcia tem 76 hectares, com 130 animais da raça nelore. São 74 matrizes, 26 novilhas, 26 bezerros e três reprodutores. O zootecnista Fernando Alves, do IDR-Paraná de Moreira Sales, acompanha o trabalho na propriedade. Ele explicou que as áreas de lavoura, que eram deixadas em pousio no inverno, deram espaço ao capim braquiária.

Geralmente, a forrageira é implantada de forma solteira, mas em algumas áreas também é consorciada com o milho safrinha. “O capim serve de alimentação para os animais no inverno, fazendo com que as áreas de pastagem perene permaneçam em descanso até o preparo para o plantio da soja”, afirmou Alves.

Continue lendo AQUI

Por Dirk Lopes
Fonte: Canal Rural 




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.