Notícias

07/10/2020 - Soja

Temperatura do solo atinge 70 °C e acende sinal de alerta para o plantio de soja


O Brasil está vivendo um dos períodos mais quentes da história dos registros dos Institutos oficiais de meteorologia. Consequentemente, a temperatura do solo também está muito elevada e chega a incríveis 70 °C em parte do Tocantins. Segundo especialistas, a faixa da temperatura ideal do solo para a instalação da soja varia de 20 °C a 30 °C, sendo 25°C a média perfeita para para uma emergência rápida e uniforme da cultura. 

O calorão prejudica a semente mesmo sob irrigação complementar, ainda mais quando se trata de um período seco. Qualquer temperatura abaixo de 20 °C também prejudica a germinação da sementes, além de deixar o desenvolvimento inicial mais lento.  

Os meteorologistas da Somar acreditam que com 2 dias de precipitação, a temperatura do solo já vai diminuir. O problema é que a quantidade de chuva prevista para parte do oeste da Bahia e Tocantins não será o suficiente para plantar agora e o melhor mesmo é esperar a regularização em novembro. “Quem plantar agora no Matopiba com estes 15 milímetros previstos, sofre altas chances de replantio”, diz Celso Oliveira, meteorologista da Somar. 

Já em parte do Centro-Oeste e Sudeste, com o retorno das instabilidades em algumas áreas agora a partir da segunda quinzena de outubro, a situação fica melhor. “Com uma boa palhada, a temperatura não é tão elevada quanto no solo nu. A palhada mais clara que o solo rebate parte da radiação solar e não permite calor tão intenso. Mesmo assim, a temperatura do solo nos próximos dias deve estar acima dos 30 °C”, diz Celso Oliveira, da Somar. Aguardar a segunda quinzena de outubro é o mais recomendado para o plantio no interior do Brasil.

Por Pryscilla Paiva
Fonte: Canal Rural




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.