Notícias

16/11/2021 - Tecnologia

Teste de DNA de vermes promete reduzir prejuízo nas lavouras


Um dos maiores problemas das lavouras brasileiras é a presença dos nematoides, vermes parasitas de diferentes tamanhos e tipos que povoam solos tropicais e chegam a causar, no Brasil, prejuízos de R$ 35 bilhões por ano, conforme estatísticas da Sociedade Brasileira de Nematologia. Em 2020, segundo a entidade, esses vermes provocaram danos de R$ 4 bilhões só em lavouras de soja. Quando contaminam o solo, eles atacam as raízes das plantas, dificultando o seu desenvolvimento.

Uma agrotech brasileira, startup que atua no segmento agropecuário, desenvolveu uma tecnologia para escanear esses vermes através do seu DNA e identificar, com antecedência, quais são os tipos de nematoide que realmente podem causar prejuízos às lavouras, e quais deles são inofensivos e até benéficos ao solo. De acordo com a Biome4All, a tecnologia chamada NemaScan consegue determinar com precisão a estrutura biológica da comunidade de vermes presentes no solo da lavoura.

Marcos Adonai Castro da Silva, microbiologista e cofundador da empresa, contou que o sistema permite a identificação de gênero e espécie dos vermes, e ainda, dos ovos que foram depositados no solo. "Esse nível de detalhamento não é possível com métodos mais tradicionais de análise de nematoides de solo", declarou.

De acordo com o especialista, a ferramenta também pode determinar informações sobre a estrutura alimentar da população de nematoides, indicar a suscetibilidade das culturas agrícolas e plantas de cobertura e até dizer ao produtor rural quais são os tipos de insumos indicados para combater aquele tipo de verme no solo.

Continue lendo AQUI

Por Viviane Taguchi
Fonte: UOL




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.